THOUSANDS OF FREE BLOGGER TEMPLATES

Pare o mundo que eu quero descer ...


Raul Seixas

tentando fazer poesia
do que me arranca a Alma,
ela mesma, mesmo que seja em pranto ...

terça-feira, 19 de julho de 2011

Para Deus, meu Deus... sempre



e hoje, vai para ti


esta mensagem


já que a ti não consigo chegar, por muito que brade e clame, dentro


e pela manhã, quando acordo, sem forças, sem vontade alguma de seguir, 

eu sei ...

és tu que me dás o alento que preciso


eu sinto, és tu


e nesse sentir,  lanço-me a mais um dia de vida rotineira


mas sempre na esperança de que algo aconteça de espectacular durante o dia

que me mostre quem és e que aqui estás, junto a mim


e mais um dia passa, igual, igual a todos os outros, semprre


e não vejo, nem te encontro,


nem a tua beleza, como a imagino, 


como uma luz extraordinária que encadeia  tudo e todos  mas que me enche de vida ... infinita

como quando junto de ti estava

e espero, segundo a segundo, e a ti suplico, tu sabes, só tu, como suplico


encontrar-te, nem que seja só por segundos, aqui onde estou presa, e te sentir,


como sempre te senti...


e que agora tua falta me mata por dentro, na alma que chora


na ansia de te sentir perto de mim, mais uma vez ...


e poder voar, como sei que voei, à tua roda, 


engrandeçendo-te, 


e agradeçendo teu amor, por mim, por todos, por tudo


tão simples e tão singelo, como o mais puro que possa existir, não aqui onde estou embarcada


mas apenas no teu mundo, 


onde sempre o senti....


e mais uma vez, aqui suplico

e espero a hora, derradeira hora, derradeira apenas qui sentida, pelos outros que cá ficam , sem mim

que me leves, enleves. me recolhas, mais uma vez ...


no teu berço e abraço,

para poder voltar, mais uma vez 


a te sentir em mim....


e a tornar, mais uma vez a te chamar


meu Pai

2 comentários:

Jonathan F.L disse...

És belo afinal, este teu texto.
Chame-o de pai novamente, ele está ao seu lado, neste exato momento e lhe quer bem. Aceite-o como um amigo e guia, não se limite as "regras" do mundo que atrapalham o seu contato com ele. =]

Ele é o único que entende completamente que ser pai é ser o mais verdadeiro dos amigos.

ANALUZ disse...

nunca me limitei a regra nenhuma que me limitasse a Deus!!

apenas, busco por ele aqui e não o encontro como o queria encontrar!!

sinto-o, deveras sinto-o, sutilmente, mas o meu logro e almejar era presenciálo aqui ainda em vida.

abraço

Aquilo a que a lagarta chama fim do mundo, o homem chama borboleta.
(Richard Bach)

Somos prisioneiros da vida e temos que suportá-la até que o último viaduto nos invada pela boca adentro e viaje eternamente em nossos corpos

Raul Seixas

Mensagens populares